Cultura da inovação: como criá-la na sua empresa?

Falar sobre inovação, em um munto que muda tão rapidamente, é discutir a sobrevivência de uma empresa. Sim, em um mercado tão competitivo e mutável, a cultura de inovação pode ser a implementação que a sua empresa precisa para se diferenciar e se destacar nos dias de hoje! Mas o que é essa inovação? E como implementar essa cultura?

A verdade é que a inovação não é mais um diferencial competitivo e nem uma característica específica de startups moderninhas do Vale do Silício. A cultura da inovação é algo que deve fazer parte do dia a dia de uma empresa, como forma de incentivar seus funcionários, gerentes, gestores e colaboradores de diversos níveis a pensar e produzir soluções inovadoras para melhorar cada vez mais os produtos e serviços oferecidos.

Implementar uma cultura de inovação oferece vantagens através de dois pontos de vista, interno e externo. Do ponto de vista interno, ela cria novos horizontes para a empresa e para os colaboradores, revitaliza os processos e promove crescimento. Do ponto de vista externo, ela torna o produto mais competitivo, atende a uma parcela cada vez mais exigente de consumidores e participa de uma tendência econômica relacionada à globalização e ao desenvolvimento social e sustentável.

Inovação x Novidade

Criar uma cultura de inovação na sua empresa não significa lançar um novo produto no mercado ou mudar todo o seu escopo. Estamos falando de uma mudança de processo, pensamento e organização, e não necessariamente daquilo que você oferece. A inovação da qual estamos falando deve fazer parte da visão estratégica da empresa e deve ser uma mensagem clara a ser seguida em todos os processos e por todas as pessoas envolvidas.

Ambiente propício

Um ambiente agradável, com bastante espaço para que as pessoas se sintam tranquilas, com espaços aconchegantes, salas de convivência e espaços de lazer estimulam a criatividade e a interação entre as pessoas. Possibilitar e incentivar situações que gerem conversas entre os colaboradores enquanto eles realizam outras atividades (lancham em um local agradável, ou jogam videogame, por exemplo), são facilitadoras de insights que não seriam possíveis em ambientes estritamente voltados à produção. Além disso, deixar os ambientes mais bonitos visualmente e agradáveis sonoramente também fazem parte da implementação, pois melhorando os estímulos sensoriais, melhoramos a capacidade de relaxar o cérebro e, com isso, nos permite pensar em soluções diferentes para os mesmos problemas.

Integração entre departamentos

A interdisciplinaridade e a transversalidade são tendências que traduzem a nova forma de resolver problemas e pensar em novas soluções. Ao fomentar a conversa entre diferentes departamentos, você incentiva a troca de conhecimento entre diferentes competências e aumenta as possibilidades de ligação de pontos que não seriam possíveis caso cada departamento ficasse discutindo apenas entre si.

Que tal criar um sistema de rodízio entre as pessoas de departamentos diferentes para que elas possam partilhar problemas e dar opiniões? Discutir seus problemas do dia-a-dia com quem não faz parte do seu dia a dia pode te levar a obter insights preciosos!

Aprender a dar feedbacks

Saber ouvir e dar feedbacks é uma competência muito importante e pouco desenvolvida. Na cultura de inovação, na qual as pessoas são sempre incentivadas a dar opiniões e palpites sobre diferentes situações, é muito importante aprender, especialmente, a dar feedbacks de forma a proporcionar o crescimento e jamais desincentivar a pessoa a dar novas contribuições.

Uma boa técnica para dar feedbacks negativos é sempre começar com algum elogio, citando algum trabalho bom que a pessoa tenha feito ou alguma forma que ela tenha contribuído de forma positiva para aquele projeto. Depois, citar aquilo que precisa melhorar e finalizar a conversa com mais um ponto positivo!

O feedback positivo também deve ser dado com cautela, evitando elogios a características individuais, como “inteligência” ou “esperteza” e valorizando sempre o “esforço” e o “trabalho em equipe”. Mas ao invés de falar apenas que a pessoa foi esforçada, reitere todos os passos que ela deu, confirmando o elogio. Feedbacks muito generalistas não funcionam, portanto, sempre detalhe o que exatamente foi legal no trabalho da pessoa!

Partilhar competências e experiências

Todo mundo tem algo de bom a ensinar e todo mundo deve estar disposto a aprender. Essa deve ser uma das regras de uma empresa que deseja implementar a cultura de inovação. Que tal propor treinamentos realizados pelos próprios colaboradores?

Trabalhar com metas

Estabeleça metas de inovação para sua empresa, para cada setor e para cada colaborador individualmente. O ideal é que as metas sejam adaptadas para suprir necessidades profissionais e pessoais, mas que sejam sempre voltadas ao crescimento e à inovação.

O interessante de trabalhar com metas é que você conseguirá perceber mais rapidamente o quanto a sua empresa já está crescendo em relação à implementação da cultura de inovação e terá uma noção maior do retorno dos investimentos realizados.

Como superar os obstáculos?

A implementação, porém, não é uma tarefa simples. Ainda mais para empresas já estabelecidas no mercado com uma forte cultura de valores já estabelecida, a mudança propõe a quebra de alguns paradigmas e alguns dos obstáculos que precisam ser superados são: o financeiro, o tempo e o pensamento.

Normalmente, qualquer mudança custa dinheiro e mudar toda uma cultura não seria diferente. O investimento, por vezes, é alto, mas é preciso ter em vista o retorno que será obtido a longo prazo. Falando em longo prazo, entramos no outro obstáculo, o tempo. É preciso dedicar muito tempo para desaprender e reaprender a fazer as coisas de um jeito diferente e ainda mais tempo para ver o retorno de toda essa mudança. A principal barreira, porém, a ser superada, é o pensamento. Muitas vezes, estamos programados a fazer as coisas de determinada forma e superar a heurística pode ser a etapa mais difícil da implementação.

Implementar uma cultura de inovação nem sempre é fácil, mas com certeza você terá bons retornos com este investimento. Nós já demos algumas dicas, que tal começar? A tecnologia é uma grande aliada que pode te ajudar muito a implementar essas mudanças. Leia mais sobre a relação entre a inovação e a tecnologia neste artigo e veja como alinhar os dois conceitos em prol do crescimento da sua empresa! 

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo