Os ecossistemas de inovação dos parques tecnológicos

Ecossistema é um ambiente em que vive um conjunto de formas de vida que interagem entre si, formando um sistema estável. Essa definição é muito conhecida entre os biólogos, mas com algumas adaptações, o mundo corporativo inseriu a palavra “ecossistema” no seu vocabulário, referindo-se a uma forte tendência presente no meio empresarial.

O que são ecossistemas de inovação e como esse conceito vem transformando o modelo de negócios das empresas no mundo? Continue a leitura deste post e saiba mais sobre o assunto!

Ecossistemas de inovação

Várias pessoas, empresas e organizações interagem entre si com o objetivo de desenvolver projetos, formando um ambiente de aprendizagem e criação inovadora — esse é o conceito de ecossistema de inovação. Essa ideologia de cooperação remete aos polos empreendedores, que devido à unificação de vários empresários de um determinado segmento de mercado, criam um ambiente de forte comércio e desenvolvimento empresarial.

Um exemplo real de um ecossistema bem-sucedido está no Vale do Silício, no estado da Califórnia, nos Estados Unidos. Essa região concentra um grande número de empresas de tecnologia com aptidão empreendedora. Somado a isso, diversas universidades locais interagem com as empresas, fornecendo conhecimento e novos talentos — o ambiente ideal para o surgimento de grandes inovações.

O Brasil possui um ecossistema de inovação na cidade de Campinas, em São Paulo. A região tem uma cultura empreendedora e é voltada para inovações — esse fator atraiu grandes empresas. Além disso, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que é um centro de educação de renome, atraiu outros centros de pesquisas de importância nacional. Todos esses fatores fazem da região um vigoroso polo de projetos inovadores.

Parques tecnológicos

O conceito de ecossistema de inovação é bem amplo, e os parques tecnológicos são considerados núcleos que compõem um ecossistema saudável. Sendo assim, um aglomerado de empresas de base comum, que buscam desenvolver soluções para o setor, é um parque tecnológico. Já surgiram, nesse ambiente, várias empresas inovadoras. Por exemplo, o já citado ecossistema de inovação do Vale do Silício foi o berço de grandes corporações como Google, Intel, Microsoft, Facebook, Apple, HP, Yahoo, Ebay e Eletronic Arts.

A contribuição que essas companhias estão dando para o mercado mundial mostra a eficiência e a importância dos parques de tecnologia. Para demonstrar como a ideia de ecossistema de inovação está se alastrando com rapidez, vamos citar alguns exemplos de parques tecnológicos bem-sucedidos.

Porto digital de Recife

Com a união de forças entre os poderes público e privado, criou-se o porto digital em Recife, onde se reúnem empresas do ramo de software e Call Center que atendem o mercado nacional e internacional.

Os números mostram o êxito desse modelo de negócios: a empresa de engenharia de software Accenture, por exemplo, lucrou mais de 27 bilhões de dólares em 2012. Outro exemplo é a companhia de telemarketing Contax, que se instalou no porto digital e teve um crescimento rápido, chegando a possuir 18 mil funcionários.

Em 2013, o parque tecnológico do Recife sediou a feira mundial da área de inovação, onde pode apresentar para o mundo sua economia criativa, que une tecnologia e cultura. O porto digital mostrou como as empresas vêm criando soluções que fazem a tecnologia e as cidades desenvolverem uma relação de equilíbrio.

Tecnopuc

Um grande parque científico e tecnológico, que abriga mais de 120 organizações, é o Tecnopuc, localizado no Rio Grande do Sul. O complexo possui mais de 6,3 mil postos de trabalho. O parque estimula pesquisas e inovações por meio de uma interação entre academia, empresas privadas e poder público. Essa integração gera vantagens mútuas e equilíbrio.

O parque científico é focado em quatro áreas: energia e meio ambiente, tecnologia da informação e comunicação, indústria criativa, e ciências da vida. A Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), conhecida pelo notável centro de pesquisas que possui, contribui para o desenvolvimento do parque, e empresas de renome, como Dell Computer, HP, HSBC, Globo.com e Microsoft, se instalaram no complexo.

O Tecnopuc conecta startups e grandes organizações por meio de um movimento chamado 100 open startups, que torna possível que jovens empreendedores com inovações de grande impacto para a sociedade interajam com líderes de grandes empresas, gerando novas ideias de negócios. Devido a todas essas atribuições, o Tecnopuc se firma como um dos parques tecnológicos mais importantes do Brasil.

Tecnosinos

O Tecnosinos, parque de tecnologia situado no Vale dos Sinos, Rio Grande do Sul, reuniu empresas de base tecnológica dos setores de comunicação, engenharia, energias renováveis, entre outras áreas, e conta com um total de 75 empresas que geram 6 mil empregos e movimentam 1 bilhão de reais.

Para estimular o empreendedorismo dentro do parque, o Tecnosinos oferece o prêmio Roser para identificar talentos e aumentar o número de startups de tecnologia que tragam soluções inovadoras para problemas existentes. Com esse incentivo, o complexo tem atraído novas empresas para sua incubadora, onde se formarão grandes companhias.

O parque possui também a Escola da Indústria Criativa da universidade Unisinos, que é um laboratório de formação de profissionais capacitados para atuar com criatividade e empreendedorismo na sociedade em rede. As ideias dos alunos da escola são transformadas em inovações no parque tecnológico, ou seja, a instituição é um seleiro de incríveis talentos.

Inove sua empresa

A realidade é que nem todas as regiões têm um parque tecnológico, mas não é por esse motivo que o empresário fica sem a oportunidade de interagir com profissionais de sua área para encontrar soluções para seu negócio.

Um modelo de criação e produção coletiva que visa desenvolver projetos e soluções é o crowdsourcing, e muitas empresas têm escolhido ingressar nessa forma de produzir, alcançando bons resultados.

Existem empresas no mercado que implantam e gerenciam o programa de inovação corporativo por meio de comunidades colaborativas, que ajudam sua empresa a desenvolver ideias e soluções para seu negócio. Esse modelo de negócios segue o bem-sucedido sistema do ecossistema de inovação e pode inovar sua empresa.

Este artigo ajudou você a entender o que são os ecossistemas de inovação, e como eles vêm fazendo a diferença nas corporações no mundo? Deixe seu comentário sobre as inovações que sua empresa está desenvolvendo!

2 comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo